Crítica | Apesar dos clichês, ‘Aprendiz de Espiã’ é divertido

Após o grande sucesso de público com seu personagem Drax, em Guardiões da Galáxia, e mostrar que possui um ótimo timing cômico, era questão de tempo até que Dave Bautista fosse chamado para estrelar mais filmes de comédia. Mostrando sua habilidade com o gênero, chega aos cinemas Aprendiz de Espiã.

No longa que mistura ação e comédia, Bautista interpreta J.J., um agente da CIA solitário e de coração duro, que após falhar em uma grande missão, decide aceitar a missão secreta de vigiar uma família para poder provar seu valor a agência. O problema é que a esperta filha de nove anos da família, Sophie (Chloe Coleman, a Skye de Big Little Lies), o fará passar por tremendas confusões.

O filme também conta com grande elenco incluindo Ken Jeong (O Chow de Se Beber, Não Case), Kristen Schaal (a icônica voz de Louise de Bob´s Burgers), Parisa Fitz-Henley, entre outros. E temos aqui um dos seus principais pontos positivos, mesmo os que possuem pouquíssimo tempo tela. O elenco consegue apresentar personagens cativantes, mesmo com alguns seguindo velhos clichês do gênero.

Porém o destaque fica para a dupla de protagonistas. Com personagens com personalidade opostas, Dave e Chloe possuem uma excelente química em tela, conseguindo transmitir bem o crescimento da amizade de seus personagens com naturalidade.

Aprendiz de Espiã (2020) – Diamond Films

Outro bom destaque vai para a direção do filme, que fica a cargo de Peter Segal, que já dirigiu outras comédias como Golpe Baixo e Como Se Fosse a Primeira Vez, e aqui ele consegue mostrar um conforto com o gênero, conseguindo conduzir a trama principal com um bom ritmo, mas sempre mantendo o foco no relacionamento de seus personagens, que é de onde tira suas melhores cenas.

O roteiro também tem seus pontos positivos e consegue criar diversas cenas divertidas, seja fazendo piadas com os clichês de filmes de espiões, seja colocando J.J. em situações embaraçosas em que seu comportamento durão acaba não passando despercebido ou mostrando o contraste da dupla principal.

Por outro lado, apesar de divertido, Aprendiz de Espiã é recheado de clichês de filmes do gênero, deixando alguns momentos previsíveis. Além de apresentar uma história que já foi contada de diversas outras maneiras em inúmeros filmes parecidos. Apesar disso, o longa consegue cativar com o ótimo trabalho de seu elenco e de sua dupla de protagonistas.

APRENDIZ DE ESPIÃ |
3

RESUMO

Contando com a ótima química e carisma de sua dupla de protagonistas, Aprendiz de Espiã consegue ser divertido, apesar de estar recheado de clichês.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Matheus Ribeiro

Paulista, jornalista em formação, gamer e viciado em filmes e séries. Acredita que boas histórias nos ajudam a conhecer não só a maneira que a sociedade funciona, mas a conhecer a nós mesmos.