Globoplay desiste de produzir série sobre crime cometido pelo goleiro Bruno

Segundo informações da colunista Patrícia Kogut, do O Globo, a Globoplay desistiu de produzir uma série sobre o assassinato de Eliza Samúdio. O crime foi ordenado pelo então goleiro do Flamengo, Bruno de Souza, em 2010.

O motivo do cancelamento foi a repercussão negativa do projeto nas redes sociais. De acordo com a publicação, a emissora ainda pretende produzir séries baseadas em outros crimes conhecidos, mas não pegou bem a tentativa de contar essa história. A atriz Vanessa Giácomo interpretaria Eliza Samúdio.

Baseada no livro Indefensável – O Goleiro Bruno e a História da Morte de Eliza Samúdio, escrito por Leslie Barreira LeitãoPaula Sarapu e Paulo Carvalho, a série teria direção de Amora Mautner (Assédio, série sobre o caso do médico Roger Abdelmassih, condenado a 278 anos de prisão por estupro de pacientes, e a aclamada novela Avenida Brasil) e roteiros de Lucas Paraíso (Sob Pressão).

Ao UOLAmora esclareceu que o projeto não foi aprovado, por isso não se trata necessariamente de um cancelamento:

O projeto não foi cancelado porque nunca foi confirmado. Um projeto é avaliado depois de seu desenvolvimento. A série nem foi desenvolvida para ser aprovada“, disse Amora.

Do auge à prisão

O assassinato de Eliza Samúdio aconteceu em 2010, quando a modelo desapareceu ao visitar o sítio de Bruno em Minas Gerais com o filho de cinco meses que tinha com o atleta. O jogador, que havia recebido uma proposta para jogar na Rússia dias antes, teve prisão preventiva decretada em julho daquele ano, foi demitido pelo por justa causa e indiciado em novembro de 2012.

Em 2013, Bruno foi condenado a 22 anos e três meses de prisão. Em 18 de julho de 2019 conseguiu uma progressão de pena para o regime semiaberto através de uma decisão da justiça de Varginha. Ele deixou o presídio no dia seguinte, e apesar da tentativa de voltar aos gramados, cumpre a pena de 20 anos em regime semiaberto.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...