Abraccine escolhe Bacurau como o Melhor Filme Brasileiro de 2019

A Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine) escolheu Bacurau, de Kleber Mendonça Filho Juliano Dornelles, como o Melhor Filme Brasileiro de 2019.

Vale lembrar que Bacurau também chegou a ser selecionado para representar o Brasil no Prêmio Goya, o Oscar espanhol, na categoria Melhor Filme Iberoamericano. Além disso, o longa foi o vencedor do prêmio do júri no Festival de Cannes e também foi selecionado para o 57º New York Film Festival, o 23º Festival de Cine de Lima, no Peru, entre outros festivais no ano passado.

O vencedor na categoria Melhor Filme Estrangeiro não podia ter sido outro: Parasita, de Bong Joon-ho. O longa, recentemente, ganhou 4 estatuetas na 92ª edição do Oscar, incluindo Melhor Filme e Melhor Direção.

Sete Anos em Maio, de Affonso Uchôa, foi escolhido como o Melhor Curta-Metragem.

A Abraccine é uma entidade criada em 2011 e que já reúne mais de 100 críticos de diferentes estados do Brasil. Além de promover o pensamento crítico e o debate acerca do cinema brasileiro, o grupo também participa de festivais, publica livros e realiza cursos.

Confira a lista abaixo:

LONGA-METRAGEM BRASILEIRO

Vencedor: Bacurau, Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles

Top 10 em ordem alfabética:
Democracia em Vertigem, de Petra Costa
Deslembro, de Flávia Castro
Divino Amor, de Gabriel Mascaro
Estou Me Guardando para Quando o Carnaval Chegar, de Marcelo Gomes
Inferninho, de Guto Parente e Pedro Diógenes
No Coração do Mundo, de Gabriel Martins e Maurilio Martins
Los Silencios, de Beatriz Seigner
Temporada, de André Novais Oliveira
A Vida Invisível, de Karim Aïnouz

LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO

Vencedor: Parasita, de Bong Joon-ho

Top 10 em ordem alfabética:
Assunto de Família, de Hirokazu Koreeda
Coringa, de Todd Phillips
Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Em Trânsito, de Christian Petzold
Era Uma Vez em Hollywood, de Quentin Tarantino
O Irlandês, de Martin Scorsese
Nós, de Jordan Peele
O Paraíso Deve Ser Aqui, de Elia Suleiman
Synonymes, de Nadav Lapid

CURTA-METRAGEM BRASILEIRO

Vencedor: Sete Anos em Maio, de Affonso Uchôa

Top 10 em ordem alfabética:
Carne, de Camila Kater
Joderismo, de Marcus Curvelo
A Mulher que Sou, de Nathália Tereza
Negrum3, de Diego Paulino
Quebramar, de Cris Lyra
Swinguerra, de Bárbara Wagner e Benjamin de Burca
Tea for Two, de Julia Katharine
Teoria sobre um Planeta Estranho, de Marco Antonio Pereira
Tudo que é Apertado Rasga, de Fabio Rodrigues

Leia a nossa crítica de Bacurau

Leia a nossa crítica de Parasita

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.