Oscar 2020 | Conheça as indicadas na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante

O Oscar 2020 está chegando! Então preparamos esse especial para que vocês possam conhecer um pouco mais sobre as cinco indicadas na categoria Melhor Atriz Coadjuvante. Confira:

LAURA DERN

Laura Dern recebeu a sua terceira indicação ao Oscar pelo filme História de Um Casamento, de Noah Baumbach. Sua primeira indicação foi em 1992 por As Noites de Rose na categoria Melhor Atriz. Depois disso, ela voltou a ser indicada em 2015 na categoria Melhor Atriz Coadjuvante por seu trabalho em Livre.

Em História de Um Casamento, ela interpreta Nora Fanshaw, a advogada de Nicole (Scarlett Johansson) durante seu divórcio com Charlie (Adam Driver).

Laura é a principal aposta para o Oscar 2020 nessa categoria. Por seu trabalho, ela já ganhou o Bafta (Melhor Atriz Coadjuvante), o Globo de Ouro (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme), o SAG Awards (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme) e o Critics´Choice Awards (venceu como Melhor Atriz Coadjuvante e foi indicada à Melhor Elenco).

Leia a nossa crítica de História de Um Casamento.


SCARLETT JOHANSSON

A atriz Scarlett Johansson conseguiu um feito para poucos. Ela recebeu as suas duas primeiras indicações no ano de 2020. Uma foi na categoria Melhor Atriz, por História de Um Casamento, de Noah Baumbach. A outra foi como Melhor Atriz Coadjuvante, por Jojo Rabbit, de Taika Waititi.

Nesse último, Scarlett interpreta Rosie Betzler, mãe de Jojo (Roman Griffin Davis). Ao contrário do filho, ela é totalmente contrária à guerra e aos ideias do Partido Nazista, e decide esconder em sua casa Elsa Korr (Thomasin McKenzie), uma judia cuja família foi perseguida pelo governo autoritário.

Por esse trabalho, Scarlett Johansson foi indicada ao Bafta (Melhor Atriz Coadjuvante), ao SAG Awards (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme e Melhor Elenco em Cinema) e ao Critics´Choice Awards (venceu como Melhor Atriz Coadjuvante).

Leia a nossa crítica de Jojo Rabbit.


FLORENCE PUGH

A atriz de 24 anos, Florence Pugh, recebeu sua primeira indicação ao Oscar na categoria Melhor Atriz Coadjuvante pelo longa Adoráveis Mulheres, de Greta Gerwig. Ela já trabalhou em outros filmes como Lady Macbeth (2016) e Midsommar: O Mal Não Espera A Noite.

Por Adoráveis Mulheres, Florence interpretou Amy March, uma jovem que cresce ao lado de suas irmãs – Saoirse Ronan, Emma Watson e Eliza Scanlen – e de sua mãe, Laura Dern, enquanto seu pai está lutando numa Guerra Civil nos EUA.

Por esse trabalho, ela recebeu uma indicação ao Bafta (Melhor Atriz Coadjuvante e Prêmio Estrela em Ascensão), ao Globo de Ouro (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme) e ao Critics´Choice Awards (Melhor Atriz Coadjuvante e Melhor Elenco).

Leia a nossa crítica de Adoráveis Mulheres.


MARGOT ROBBIE

A atriz Margot Robbie recebeu esse ano a sua segunda indicação ao Oscar por O Escândalo, de Jay Roach. Sua primeira indicação ocorreu em 2018 na categoria Melhor Atriz pelo filme Eu, Tonya.

Nesse filme, Margot interpreta Kayla, uma jovem funcionária do Fox News, que deseja crescer cada vez mais na sua carreira. No entanto, ela acaba tornando-se uma das vítimas de assédio de Roger Ailes (John Lithgow), CEO da emissora televisiva.

Por sua atuação, ela já foi indicada ao Bafta (Melhor Atriz Coadjuvante), ao Globo de Ouro (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme), ao SAG Awards (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme e Melhor Elenco em Cinema) e ao Critics´Choice Awards (Melhor Atriz Coadjuvante e Melhor Elenco).

Leia a nossa crítica de O Escândalo.


KATHY BATES

A atriz Kathy Bates conseguiu a sua quarta indicação ao Oscar pelo filme O Caso Richard Jewell, de Clint Eastwood. Ela ganhou pela primeira vez no ano de 1991, logo na sua primeira indicação, na categoria Melhor Atriz pelo longa Louca Obsessão, de Rob Reiner. Todas as outras vezes que Kathy apareceu na premiação foram pela categoria Melhor Atriz Coadjuvante – Segredos do Poder (1999) e As Confissões de Schmidt (2003).

Nesse filme, Kathy interpreta Barbara Jewell, mãe de Richard Jewell, que é condenado pelo atentado nos Jogos Olímpicos de 1996 em Atlanta.

A experiente atriz, no entanto, é a que chega com menos força para a cerimônia do Oscar. Ela foi indicada ao Globo de Ouro (Melhor Atriz Coadjuvante em Filme) e ganhou o National Board of Review apenas.

Leia a nossa crítica de O Caso Richard Jewell.

A cerimônia do Oscar será realizada no dia 9 de fevereiro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.