Danny Elfman, compositor dos Simpsons, afirma que o programa está terminando

No ar desde 1989 e em sua 31ª temporada, Os Simpsons, está prestes a terminar. Pelo menos é o que garante o compositor Danny Elfman. Segundo o músico, o programa que é exibido no Brasil no Fox Channel, estará terminando no próximo ano (via ComicBook).

Durante uma entrevista, ao falar dos Simpsons, e Elfman foi questionado sobre o debate em torno da qualidade do programa nas próximas temporadas. Ele afirmou não se importar, porque o programa está no seu último ano.

Bem, pelo que ouvi, está chegando ao fim“, disse Elfman. “Então, esse argumento também chegará ao fim. Não sei de fato, mas ouvi dizer que será no último ano.”

A afirmação causa estranheza, pois em fevereiro, Os Simpsons foi renovado por mais duas temporadas, mais precisamente até a temporada 32, que será concluída em 2021. É possível que Elfman não esteja se referindo ao próximo ano, mas, uma coisa é certa: a estrada percorrida pelos personagens tem uma vida muito maior do que poderia se supor no início. O próprio compositor afirma que não levou fé na longevidade do programa:

Tudo o que posso dizer é que estou tão espantado e surpreso que tenha durado tanto tempo. Então, você deve perceber que, quando eu compus Os Simpsons, escrevi essa música louca e esperava que não… alguém ouviria, porque eu realmente não achava que o programa tivesse chanceRealmente, eu esperava que durasse três episódios e fosse cancelado, e seria isso, porque era tão estranho na época, e eu simplesmente não achava que tivesse uma chance. Então, acredite, esse é uma das grandes surpresas da minha vida“.

Você ficaria triste em ver Os Simpsons ser cancelado, ou já está na hora de desapegar? Deixe-nos saber nos comentários!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...