Robert Downey Jr. fala sobre declaração polêmica de Scorsese e indicação ao Oscar

Em entrevista ao The Howard Stern Show, Robert Downey Jr comentou sobre a polêmica envolvendo Martin Scorsese e a Marvel. O ator também falou sobre o motivo por ele ter ficado de fora das campanhas de Vingadores: Ultimato para o Oscar 2020.

Recentemente, Scorsese fez um comentário bastante polêmico sobre os filmes do Marvel Studios. Segundo o diretor de O Irlandês – que estreia na Netflix no dia 27 de novembro –, os longas do estúdio em questão “não são cinema”. Relembre exatamente o que ele disse abaixo:

Eu não os vejo. Eu tentei, sabia? Mas isso não é cinema”, disse Scorsese. “Honestamente, o mais próximo que consigo pensar neles, por mais bem feitos que sejam, com os atores fazendo o melhor que podem sob as circunstâncias, são em parques temáticos. Não é o cinema de seres humanos tentando transmitir experiências emocionais e psicológicas a outro ser humano.”

Robert Downey Jr. falou sobre essa questão numa entrevista em Nova York. O intérprete do Homem de Ferro disse: “É a opinião dele. Quero dizer, isso (os filmes da Marvel) passa nos cinemas. Eu aprecio sua opinião, porque eu acho que é como qualquer coisa. Nós precisamos de todas as diferentes perspectivas para podermos chegar ao centro e seguir adiante.”

Sobre a campanha que o Marvel Studios vai realizar para que Vingadores: Ultimato tenha a oportunidade de ser indicado ao Oscar, Robert disse que escolheu ficar de fora.

Quando questionado sobre o assunto, ele respondeu: “… houve conversas sobre isso e eu disse ‘não vamos, não’, porque sou muito mais como você do que vocês realmente querem acreditar.”

Relembre aqui quais são as categorias nas quais o filme pode ser considerado.

A próxima cerimônia do Oscar será realizada no dia 9 de fevereiro de 2020.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.