Kristen Stewart foi orientada a esconder sua sexualidade se quisesse fazer filmes da Marvel

A atriz Kristen Stewart falou sobre a discriminação que enfrentou com base em sua sexualidade em entrevista ao Harper’s Bazaar. A atriz é declaradamente bissexual, e isso ainda representa ter problemas para conseguir determinados trabalhos, segundo ela.

Disseram-me exatamente: ‘Se você fizer um favor a si mesmo e não sair segurando a mão de sua namorada em público, pode conseguir um filme da Marvel’. Não quero trabalhar com pessoas assim“, disse Stewart, que não revelou quem deu a orientação.

A atriz de 29 anos teve um relacionamento com o coprotagonista de Crepúsculo, Robert Pattinson, e depois se relacionou com mulheres, sempre com reservas, com exceção dos últimos anos. Depois de muito tempo mantendo sua intimidade reservada, a atriz admitiu que isso prejudicou muito sua liberdade:

Acho que só queria aproveitar a minha vida […] Você não pode sair com quem está? Você não pode falar sobre isso em uma entrevista? Fui informada por uma mentalidade da velha escola, que é: você quer preservar sua carreira, seu sucesso e sua produtividade, e há pessoas no mundo que não gostam de você e que não namoram garotas, e elas não gostam que você não se identifique como uma citação entre aspas ‘lésbica’, mas também não se identificam como uma citação entre aspas ‘heterossexual’. E as pessoas gostam de saber dessas coisas, então o que você é?’”.

Em 2017, a atriz já havia se posicionado sobre sua opção, e pelo fato de precisar dar satisfação sobre namorar homens e mulheres: “Sempre abracei a dualidade. E sempre acreditei, mesmo, nela. Nunca me senti confusa ou sofri [por isso]. Só não gosto de ser ridicularizada por isso”.

A atriz protagoniza Seberg, do Amazon Studios, que estreou no Festival de Veneza na última semana. Ela também está no elenco do remake de As Panteras, que estreia em novembro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...