O Rei Leão | Filme se torna o maior live-action da Disney

O Rei Leão dirigido por Jon Favreau, ultrapassou A Bela e a Fera (2017), de Bill Condon, e se tornou o live-action de maior bilheteria da Disney.

O remake da animação de 1994 arrecadou US$ 473.1 milhões nos EUA e no mercado internacional, US$ 861.5 milhões. Ou seja, no total são US$ 1.334 bilhão na bilheteria.

A Bela e a Fera, estrelado pela atriz Emma Watson, faturou US$ 1.263 bilhão nas bilheterias. Em terceiro lugar, ficou Aladdin, de Guy Ritchie (US$ 1.035 bilhão), seguido de Alice no País das Maravilhas, de Tim Burton (US$ 1.025 bilhão), e Mogli: O Menino Lobo, de Jon Favreau (US$ 966 milhões).

Vale lembrar que O Rei Leão, segundo seu diretor, não é bem uma produção em live-action. Isso porque não foi utilizada a captura de movimento, portanto seria, tecnicamente, um filme de animação. No entanto, Favreau e a Disney abordaram o longa o tempo todo como um live-action e, inclusive, poderá concorrer ao Oscar com esse formato.

O elenco de vozes inclui Donald Glover como Simba, Beyoncé como Nala, Chiwetel Ejiofor como Scar e Alfre Woodard como a mãe de Simba, Sarabi. Billy Eichner  e Seth Rogen serão Timão e Pumba.

O Rei Leão está em cartaz nos cinemas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.