Histórias Assustadoras | Guillermo del Toro e André Øvredal falam sobre adaptação para o cinema

Contos de folclore e lendas urbanas aterrorizam há séculos crianças e adolescentes do mundo todo. No início dos anos 80, o escritor americano Alvin Schwartz reuniu alguns desses relatos em uma série de livros que marcaram gerações. Originalmente ilustrado por Stephen Gammell, “Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro” trazia textos e desenhos tão impactantes que pareciam sair das páginas diretamente para a imaginação dos leitores.

Quarenta anos depois, as histórias chegam aos cinemas com produção do vencedor do Oscar Guillermo del Toro (A Forma da Água) e direção de André Øvredal que, em vídeo, comentam sobre a adaptação do universo de Schwartz e Gammell para as telonas.

Assista abaixo:

A beleza dos livros ‘Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro’ é que eles têm a simplicidade de uma história de acampamento e passaram por três gerações. Eram histórias que me assustavam quando eu era criança e ainda são muito divertidas”, comenta Del Toro. Para Øvredal, “as ilustrações são o que há de mais assustador nos livros. Eu aprendi a ter muito respeito pelo material original e o design das criaturas no filme foi muito fiel ao das ilustrações originais”.

Baseado na série de livros de mesmo nome, o filme tem direção de André Øvredal (A Autópsia) e traz no elenco atores como Zoe Coletti (Annie), Dean Norris (Breaking Bad), Michael Garza (Jogo Vorazes: A Esperança – Parte 1), Austin Abrams (Cidades de Papel) e Gabriel Rush (O Grande Hotel Budapeste).

No filme, um grupo de crianças se veem presas em seus pesadelos, repletos de contos de folclore e lendas urbanas de terror, que se tornam realidade.

A trama se passa em 1968 na cidade de Mill Valley, que há gerações é assombrada pelos mistérios que cercam a mansão da família Bellows. Foi no porão desta casa que Sarah Bellows, jovem cheia de segredos e rejeitada pelos pais, escreveu um livro com histórias assustadoras. Anos depois, essas histórias começam a se tornar reais para um grupo de adolescentes que se envolvem com seu passado sombrio.

Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro estreia no Brasil em 8 de agosto.

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...