Bilheteria no Brasil | ‘O Rei Leão’ assume o topo; confira o top 10

O estreante O Rei Leão, conseguiu o primeiro lugar nas bilheterias no Brasil (18 a 21 de julho). Aqui, a versão live action da animação de 1994 faturou R$ 67.9 milhões, sendo exibido em 1877 salas de cinema. Mais de 3.6 milhões de pessoas compraram ingressos para conferir o retorno de uma das maiores histórias da Disney.

Ao redor do mundo, o filme dirigido por Jon Favreau já faturou US$ 564.6 milhões. O principal mercado, como já é de costume, é a China (US$ 97.5 milhões).

O longa retrata uma jornada pela savana africana, onde nasce o futuro rei da Pedra do Reino, Simba. O pequeno leão que idolatra seu pai, o rei Mufasa, é fiel ao seu destino de assumir o reinado. Mas nem todos no reino pensam da mesma maneira. Scar, irmão de Mufasa e ex-herdeiro do trono, tem seus próprios planos. A batalha pela Pedra do Reino é repleta de traição, eventos trágicos e drama, o que acaba resultando no exílio de Simba. Com a ajuda de dois novos e inusitados amigos, Simba terá que crescer e voltar para recuperar o que é seu por direito.

O estrelado elenco do longa tem Donald Glover como Simba, Beyoncé Knowles-Carter como Nala, James Earl Jones como Mufasa, Chiwetel Ejiofor como Scar, Seth Rogen como Pumba e Billy Eichner como Timão.

Homem-Aranha: Longe de Casa caiu para a segunda colocação. O filme da Marvel em parceria com a Sony, que está na sua terceira semana em cartaz, faturou nesse fim de semana R$ 8.4 milhões. Sendo exibido em 509 cinemas atualmente, mais de 5.2 milhões de pessoas já foram assistir ao primeiro longa pós Vingadores: Ultimato. No Brasil, a sequência já faturou R$ 86.8 milhões. Ao redor do mundo, já arrecadou US$ 975 milhões.

Em Longe de Casa, o amigão da vizinhança decide se unir aos seus melhores amigos para passar férias na Europa. Mas o plano de Peter de abandonar seus feitos heroicos por algumas semanas logo são mudados quando ele concorda em ajudar Nick Fury a solucionar o mistério de ataques de criaturas elementais, criando uma destruição pelo continente.

O filme é dirigido por Jon Watts e tem no elenco Tom HollandJake GyllenhaalZendayaMichael KeatonMarisa TomeiJake BatalonSamuel L. Jackson e Cobie Smulders.

Leia a nossa crítica

Em terceiro lugar, ficou Toy Story 4. A animação da Pixar está na sua quinta semana em cartaz. Arrecadou R$ 4.5 milhões no período avaliado. O longa está sendo exibido em 433 salas de cinema. No Brasil, já faturou R$ 112.8 milhões e, no mundo todo, US$ 863.2 milhões.

Na sequência, dirigida por Josh Cooley (que trabalhou como artista de storyboard em Os Incríveis) e que conta com o retorno das vozes de Tom Hanks e Tim Allen, Woody e seus companheiros saem numa road trip para procurar Forky, o novo brinquedo de Bonnie.

Leia a nossa crítica

Confira a bilheteria do fim de semana nos EUA

O quarto colocado foi Turma da Mônica: Laços. Dirigido por Daniel Rezende, o filme arrecadou R$ 2.1 milhões e está sendo exibido em 278 salas de cinema. 1.662.307 pessoas já foram conferir o longa brasileiro, o que representa uma bilheteria de R$ 24.3 milhões.

Na trama, a turminha clássica das histórias em quadrinhos embarca numa grande aventura em busca do cão Floquinho. No elenco principal estão Giulia Benite como Mônica, Kevin Vechiatto como Cebolinha, Laura Rauseo como Magali e Gabriel Moreira como Cascão. Entre os adultos estão: Monica Iozzi como a Dona Luísa, Paulo Vilhena como seu Cebola, Ravel Cabral como Homem do Saco e Rodrigo Santoro, que fará uma participação especial.

O quinto colocado foi Pets: A Vida Secreta dos Bichos 2. A animação, que está na sua quarta semana em cartaz, faturou R$ 1.6 milhões, através de 207 salas de exibição. No Brasil, a sua bilheteria é de R$ 22.6 milhões. Ao redor do mundo, conquistou US$ 318.8 milhões.

O filme conta a história do cão Max e seus amigos que fazem a festa quando os seus donos saem de casa. Patton OswaltKevin HartHarrison FordEric StonestreetTiffany HaddishEllie Kemper, entre outros dão vozes aos personagens. Aqui no Brasil, a dublagem conta com as vozes de Danton MelloTiago AbravanelAngélica BorgesDani Calabresa, etc.

Em sexto lugar, ficou Annabelle: De Volta para Casa. O filme de terror, dirigido por Gary Dauberman e produzido por James Wan, arrecadou R$ 790 mil, sendo exibido em 141 salas de cinema. Sua bilheteria no território brasileiro é de R$ 25.1 milhões. Ao redor do mundo, o longa já faturou US$ 196.4 milhões.

Determinados a impedir que Annabelle crie ainda mais caos, os demonólogos Ed e Lorraine Warren trazem a boneca possuída à sala de artefatos que fica trancada em sua casa, isolada em um local “seguro”, protegida por um vidro sagrado e com a benção de um padre. Porém, o que os espera é uma noite de horror, à medida que Annabelle desperta os espíritos malignos na sala, que voltam suas atenções a um novo alvo – a filha de 10 anos dos Warrens, Judy, e suas amigas.

O filme é estrelado por McKenna Grace (A Maldição da Residência Hill) e Katie Sarife (Supernatural); Patrick Wilson e Vera Farmiga reprisam seus papéis como Ed e Lorraine Warren.

Leia a nossa crítica

O sétimo colocado foi o estreante Atentado ao Hotel Taj Mahal. O filme arrecadou 305  mil reais, sendo exibido em 163 salas de cinema. 60.975 pessoas foram conferir o segundo fim de semana do longa aqui no Brasil. Ao redor do mundo, já faturou US$ 9.6 milhões.

Tendo como principal foco os ataques ocorridos ao Hotel Taj Mahal, o longa explora a história de Arjun (Dev Patel), garçom do hotel que escolhe arriscar sua própria vida para proteger os demais sobreviventes do atentado, entre eles, um casal de hóspedes (Armie HammerNazanin Boniadi) que luta pela vida de seu filho recém-nascido.

Leia a nossa crítica

O oitavo  colocado é o longa de Pedro AlmodóvarDor e Glória, que está na sua sétima semana em cartaz. Estrelado por Antonio Banderas e Penélope Cruz, a história segue o personagem Salvador Mallo, um cineasta em crise que começa a refletir sobre o seu passado. Através de 256 salas de cinema, o filme faturou 200 mil reais. No Brasil, a bilheteria total é R$ 3.5 milhões. Ao redor do mundo, foram US$ 19.8 milhões arrecadados.

Aladdin, dirigido Guy Ritchie, ficou com a nona colocação na bilheteria no Brasil. Entrando em sua nona semana em cartaz, o filme da Disney arrecadou R$ 125 mil reais, sendo exibido em 212 cinemas. A produção é uma nova versão do clássico de 1992, contando a história do jovem Aladdin, que se apaixona pela princesa Jasmine e usa o poder do Gênio da lâmpada mágica para que fiquem juntos. Aqui no Brasil, Aladdin já faturou R$ 79.8 milhões e, ao redor do mundo, US$ 989.6 milhões.

Leia a nossa crítica

Encerrando a lista, Jornada da Vida, de Philippe Godeau. O longa arrecadou 100 mil reais no seu primeiro fim de semana em cartaz. Ele foi exibido em 615 salas de cinema e foi visto por 4917 pessoas.

O filme conta a história de um ator francês (Omar Sy), que, durante a divulgação de seu livro, conhece o jovem Yao. Ao descobrir que o garoto fez uma longa viagem sozinho só para conhecê-lo, o ator o acompanha na volta para casa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.