Guardiões da Galáxia Vol. 3 | REVIRAVOLTA! James Gunn será readmitido pela Disney e irá dirigir filme, diz site

Depois de tantas polêmicas envolvendo o diretor e roteirista James Gunn, uma reviravolta inesperada acaba de acontecer. Segundo informações do Deadline, Gunn ganhará uma segunda chance, será readmitido pela Disney e irá comandar Guardiões da Galáxia Vol. 3.

Ainda de acordo a publicação, o presidente da Walt Disney Studios, Alan Horn, se encontrou com Gunn em várias ocasiões depois da demissão, para discutir a situação. Ele decidiu readmitir o diretor pela forma como as coisas foram conduzidas, e pelo seu pedido de desculpas. O diretor nunca atacou a Disney e se desculpou prontamente com os fãs. Outro fator importante foi o fato de nenhum cineasta ter aceito o projeto. Alguns nomes foram especulados como Adam McKay (Vice) e Taika Waititi (Thor Ragnarok), que negaram interesse.

O diretor foi demitido do projeto depois alguns tweets antigos e polêmicos sobre pedofilia voltarem à tona. Com isso, os produtores da Marvel entraram num impasse sobre o que fariam em relação ao terceiro longa. Inclusive, o ator Dave Bautista, que interpreta o personagem Drax, ameaçou sair do filme. Vários membros da equipe se posicionaram e chegaram a publicar uma carta aberta e o protagonista Chris Pratt deu uma entrevista expondo o seu ponto de vista, afirmando ser uma “situação complicada para todos”.

Anteriormente já havia sido confirmado que o roteiro de James Gunn seria utilizado pela Marvel. O problema agora é que o diretor se acertou justamente com a maior concorrente da Marvel. Gunn irá comandar a continuação/reboot O Esquadrão Suicida, e concordou em iniciar a produção do filme da Marvel após finalizar as filmagens do longa da DC.

Com isso, o cronograma que já estava atrasado será postergado ainda mais. A produção de Guardiões da Galáxia Vol. 3 deveria ter começado em agosto do ano passado, mas elas foram interrompidas por tempo indeterminado.

Contudo, a segunda chance deve agradar membros da produção, elenco e boa parte dos fãs. E pode dar a Hollywood uma chance de desconstruir a ideia de que certas atitudes são irremediáveis.

E vocês, aprovam o retorno de James Gunn?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...