Oscar 2019 | As grandes surpresas da cerimônia

A cerimônia do Oscar 2019 aconteceu ontem à noite e contou com algumas grandes surpresas. Quero dizer, foram surpresas mesmo! Daquelas que deixam a pessoa travada. Veja algumas delas abaixo:

OLIVIA COLMAN

Glenn Close? Lady Gaga? Nada disso. O Oscar de Melhor Atriz foi para Olivia Colman por A Favorita. Nem ela acreditou na hora. Deu para ver claramente que a intérprete da Rainha Anne no filme de Yorgos Lanthimos ficou perdida na hora do anúncio. Mesmo assim, ela fez um discurso improvisado e bem divertido, no qual ela agradeceu ao Yorgos, a Rachel e a “Emily” (Emily? Ou seria Emma?). Acontece. Veja o discurso abaixo:


GREEN BOOK: O GUIA

Para uns a vitória de Green Book: O Guia foi uma surpresa, pois apostavam fortemente em Roma, de Alfonso Cuarón. Para outros, já era algo esperado, porque venceu o PGA Awards 2019. Além disso, o longa de Peter Farrelly passou por algumas grandes polêmicas durante a temporada de premiações. Elas estavam relacionadas ao comportamento inadequado do diretor no passado, a um comentário bastante preconceituoso do roteirista Nick Vallelonga e a críticas à história por parte da família do personagem Don Shirley (Mahershala Ali). Também saiu premiado na categoria de Melhor Roteiro Original, outra vitória muito polêmica.


O Primeiro Homem

Muitos acreditavam que o Oscar na categoria Melhores Efeitos Visuais já estava destinado à Marvel, por Vingadores: Guerra Infinita. Mas isso não aconteceu. No fim das contas, o prêmio acabou indo para o longa de Damien Chazelle, O Primeiro Homem. Também foi merecido. Quem sabe Vingadores: Ultimato não leva?


Pantera Negra

O filme de Ryan Coogler teve 3 vitórias. Incrível! Pantera Negra conseguiu sair com as estatuetas nas categorias Melhor Figurino, Melhor Design de Produção e Melhor Trilha Sonora. Além disso, o filme fez história. Foi o primeiro longa de super-heróis a ser tão reconhecido pela Academia, sendo indicado inclusive a Melhor Filme, a figurinista Ruth E. Carter se tornou a primeira mulher negra indicada na categoria e a primeira a vencer. O mesmo ocorreu com a diretora de arte Hannah Beachler.


Bohemian Rhapsody

Os fãs do Queen ficaram bastante felizes com essa edição do Oscar. Primeiro que teve um show da banda com o vocalista Adam Lambert. Segundo que das 5 indicações que Bohemian Rhapsody teve, ganhou 4. QUATRO! (Parece que o jogo virou, não é mesmo?). Melhor Edição de Som, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição e, claro, Melhor Ator (Rami Malek). Essa também foi uma grande surpresa, pois foi o maior vencedor do Oscar 2019. Ou seja, deixou para trás Green Book: O Guia, Pantera Negra e Roma (3 vitórias cada um).

E aí? Gostaram da cerimônia do Oscar 2019?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Paulo Victor Costa

Depois que descobriu "The Truman Show" e "Lost", passou a viver de filmes e séries. Também é muito fã dos filmes do Spielberg. Tenta assistir de tudo para poder debater com outras pessoas.