Independent Spirit Awards 2019 | ‘Se a Rua Beale Falasse’ é o destaque no Oscar do cinema independente; veja a lista

Foi realizada neste sábado a 34ª edição do Independent Spirit Awards. A premiação é feita pela Film Independent, uma organização sem fins lucrativos dos EUA que incentiva e defende a independência criativa de jovens cineastas. A primeira cerimônia ocorreu em 1984.

O prêmio costuma ser um termômetro para o Oscar. Muitos dos filmes que aparecem no Independent Spirit também estão no principal prêmio do cinema. Dos últimos cinco vencedores, quatro também ganharam também o Oscar de Melhor Filme.

Porém, esse ano isso não irá acontecer, pois nem o ganhador da categoria e maior vencedor da noite com três prêmios, Se a Rua Beale Falasse, nem os concorrentes estão indicados na premiação que acontece amanhã.

Esquecido pela Academia, Ethan Hawke ficou com o prêmio de melhor ator. Glenn Close foi laureada como melhor atriz e segue favoritíssima no Oscar. É o mesmo caso de Regina King, por Se a Rua Beale Falasse, que aliás, também premiou seu diretor, Barry Jenkins. Ele é mais um que ficou fora da corrida do Oscar.

Roma levou o prêmio de melhor filme estrangeiro e segue como favorito ao prêmio da categoria na premiação da Academia, e também na de melhor filme. Já o melhor ator coadjuvante escolhido foi Richard E. Grant por Poderia Me Perdoar?, filme que também ganhou o prêmio de melhor roteiro.

O diretor brasileiro Alex Moratto venceu na categoria “Someone to Watch” (alguém para prestar atenção), prêmio equivalente a Diretor Revelação do ano, por seu longa de estreia, Sócrates. O protagonista do filme, Christian Malheiros, concorreu na categoria de melhor ator.

Confira abaixo a lista completa com os vencedores do Independent Spirit Awards 2019:

MELHOR FILME
Oitava Série
No Coração da Escuridão
Se a Rua Beale Falasse
Sem Rastros
Você Nunca Esteve Realmente Aqui

MELHOR DIREÇÃO
Debra Granik por Leave No Trace
Barry Jenkins por Se a Rua Beale Falasse
Tamara Jenkins por Mais Uma Chance
Lynne Ramsay por Você Nunca Esteve Realmente Aqui
Paul Schrader por No Coração da Escuridão

MELHOR PRIMEIRO FILME
Hereditário
Sorry To Bother You
O Conto
We The Animals
Vida Selvagem

MELHOR ATRIZ
Glenn Close por A Esposa
Toni Collette por Hereditário
Elsie Fisher por Oitava Série
Regina Hall por Support the Girls
Helena Howard por A Madeline de Madeline
Carey Mulligan por Vida Selvagem

MELHOR ATOR
John Cho por Buscando…
Daveed Diggs por Ponto Cego
Ethan Hawke por No Coração da Escuridão
por Sócrates
Joaquin Phoenix por Você Nunca Esteve Realmente Aqui

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Kayli Carter por Mais Uma Chance
Tyne Daly por A Bread Factory
Regina King por Se a Rua Beale Falasse
Thomasin Harcourt McKenzie por Leave No Trace
J. Smith-Cameron por Nancy

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Raúl Castillo por We the Animals
Adam Driver por Infiltrado na Klan
Richard E. Grant por Poderia Me Perdoar?
Josh Hamilton por Oitava Série
John David Washington por Monsters and Men

MELHOR ROTEIRO
Richard Glatze, Rebecca Lenkiewicz e Wash Westmoreland por Colette
Nicole Holofcener e Jeff Whitty por Poderia Me Perdoar?
Tamara Jenkins por Mais Uma Chance
Boots Riley por Sorry To Bother You
Paul Schrader por First Reformed

MELHOR PRIMEIRO ROTEIRO
Bo Burnham por Oitava Série
Christina Choe por Nancy
Cory Finley po Thoroughbreds
Jennifer Fox por O Conto
Quinn Shephardve Laurie Shephard por Blame

MELHOR FOTOGRAFIA
Ashley Connor por A Madeline de Madeline
Diego Garcia por Vida Selvagem
Benjamin Loeb por Mandy
Sayombhu Mukdeeprom por Suspiria
Zak Mulligan por We The Animals

MELHOR EDIÇÃO
Joe Bini por Você Nunca Esteve Realmente Aqui
Keiko Deguchi, Brian A. Kates e Jeremiah Zagar por We The Animals
Luke Dunkley, Nick Fenton, Chris Gill e Julian Hart por American Animals
Anne Fabini, Alex Hall e Gary Levy por O Conto
Nick Houy por Mid90s

MELHOR DOCUMENTÁRIO
Hale County This Morning, This Evening
Minding the Gap
Of Fathers and Sons
On Her Shoulders
Shirkers
Won´t You Be My Neighbor?

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
Em Chamas (Coreia do Sul)
A Favorita (Reino Unido)
Lazzaro Felice (Itália)
Roma (México)
Assunto de Família (Japão)

SOMEONE TO WATCH
Alex Morato por Sócrates

Prêmio John Cassavetes (melhor filme feito com menos de US$ 500 mil)
A Bread Factory
En El Séptimo Día
Never Goin´ Back
Sócrates
Thunder Road

Prêmio Robert Altman
Suspiria

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...