Wagner Moura interpretará diplomata brasileiro em filme da Netflix

O ator Wagner Moura (Narcos, Tropa de Elite) irá interpretar o diplomata brasileiro nas Nações Unidas, Sergio Vieira de Mello, em um filme biográfico para a Netflix.

O longa será uma adaptação o ganhador da biografia O Homem que Queria Salvar o Mundo, escrito pela ex-embaixadora dos Estados Unidos nas Nações Unidas, Samantha Power. A direção será do aclamado diretor de documentários e ganhador do Emmy Greg Barker (Manhunt), com roteiro de  Craig Borten (Clube de Compras Dallas).

Durante sua carreira diplomática, Vieira de Mello atraiu tantos elogios quanto o desprezo. Acusado de ser um “viciado em crise”, Vieira de Mello aproveitou os pontos fortes e as zonas de guerra, onde usou seu charme, boa aparência e capacidade de negociação para salvar vidas. O diplomata foi morto em um bombardeio em um hotel no Iraque em 2003, junto com outros membros de sua equipe, em um ataque orquestrado pela al-Qaeda.

A história do filme se passa horas após o ataque no Canal Hotel, em Bagdá. Enquanto o mundo assiste aos esforços para salvar a vida de Vieira de Mello, o diplomata, enterrado sob os escombros, é forçado a confrontar as escolhas duvidosas que fez durante sua vida pessoal e carreira como homem da ONU.

Além de Wagner Moura, que também irá produzir o longa, estão no elenco Ana De Armas (Blade Runner 2049), Garret Dillahunt (Fear the Walking Dead), Will Dalton (Loving), Clemens Schick (007 – Casino Royale),e Brían F. O’Byrne (Menina de Ouro).

As filmagens do filme ainda sem título começam em agosto, com lançamento mundial em 2019.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...