Site recria abertura de The Leftovers com personagens de ‘Vingadores: Guerra Infinita’

Se você ainda não assistiu a Vingadores: Guerra Infinita, atenção: esse post contem muitos spoilers.

Embora tenha sido esnobada nas grandes premiações de TV, The Leftovers foi uma das melhores séries da década atual. E provavelmente é a melhor série que muita gente ainda não viu. Baseada em um romance de Tom Perrota, sua trama acompanhava o mundo em total consternação, lutando para entender e aceitar o que aconteceu quando 2% da população desaparece abruptamente e sem nenhuma explicação. Mas como isso se relaciona com Vingadores: Guerra Infinita?

Com o estalar de dedos que varreu 50% do universo de forma aleatória, a sensação de vazio e perplexidade tomou conta dos fãs. Acontece que, na série criada por Damon Lindelof para a HBO, em 2014, os eventos começam a partir do sumiço repentino em uma cena chocante. Uma mãe falando ao celular coloca as compras no carro enquanto seu filho chora. Quando ela termina de guardar as compras, ele não está mais ali.

A partir da segunda temporada, The Letfovers passou ter uma abertura diferente da que teve em seu primeiro ano. Nela, fotos de pessoas são mostradas e algumas aparecem contornadas, simbolizando aquelas que sumiram.

O site Nerdist publicou em seu canal no Youtube, um vídeo com uma paródia ao final do filme, onde os heróis que viraram pó nos minutos finais de Guerra Infinita aparecem da mesma forma. Veja:

“Essa é a única maneira que nós temos para lidar com o resultado devastador da Guerra Infinita. O Nerdist combinou  abertura sombria de The Leftovers, da HBO, com o elenco recentemente falecido dos heróis da Marvel – em nosso mais recente Remix”, diz a descrição do vídeo.

Logo abaixo, você pode conferir a abertura original da série:

A primeira coisa que eu pensei ao sair da sessão de Guerra Infinita foi na semelhança que os eventos finais tiveram, em relação a série. Na crítica do filme, foi inevitável não mencionar isso. A cena pós-créditos é um grande exemplo.

É claro que o tom sombrio e as consequências devastadoras de uma perda dessa magnitude vão além do sumiço de alguns heróis, e não deixaria de ser interessante ver esse lado humano aflorado em Vingadores 4. Será que a Marvel irá conseguir alcançar a dramaticidade que esse evento demanda? Teremos que esperar até 2019 para saber.

Léo Barreto

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...