Ryan Murphy faz história ao escalar o maior elenco com atores transgêneros da TV em nova série no FX

‎Produtor de diversas séries como American Horror Story e Feud, Ryan Murphy e o canal FX estão prestes a fazer história na TV com o drama ‎Pose‎. O elenco terá a presença de atores transgêneros, todos com papéis regulares. Pose se passará na década de 1980 e irá acompanhar a  justaposição de vários segmentos da vida e da sociedade em Nova York, como a cena social e literária da cidade e a ball culture dos anos 80.‎

Os atores escalados serão MJ Rodriguez (Blanca), uma atriz de teatro e cinema que já atuou em séries como em ‎‎Nurse Jackie‎‎ e Luke Cage; Indya Moore (Angel), que esteve no recente Saturday Church, apresentado no Tribeca Film Festival; Dominique Jackson (Elektra), uma modelo e ícone no cenário nova iorquino; Hailie Sahar ( Lulu), com participações nas séries ‎‎Mr. Robot ‎‎e ‎‎Transparent; e Angélica Ross (Candy), que também apareceu recentemente ‎‎Transparent. Cada um deles interpretará personagens transgêneros.

O elenco ainda terá Ryan Jamaal Swain (Damon), que recentemente gravou o filme God’s Rock;Billy Porter (Pray Tell), atualmente reprisando seu papel premiado na Broadway com um Tony em Kinky Boots; Dyllon Burnside (Ricky), que também esteve em cartaz no teatro em ‎‎Holla If Ya Hear Me. Os demais atores e o elenco de apoio serão anunciados em breve. A diretora de casting Alexa Fogel (‎‎Atlanta‎‎) conduziu a pesquisa durante  seis meses por todo o país.


Ryan Murphy terá a colaboração de diversos produtores de outras séries que criou, como Brad Falchuk (Glee), além do roteirista Steven Canals. A produção de Pose terá início em Novembro, em Nova York.

Com informações do The Hollywood Reporter


 

Carioca, apreciador de filmes e séries em tempo integral, quando o Bernardo (filho dele) deixa. Iniciou sua admiração pela sétima arte com os clássicos da sessão da tarde e se apaixonou pelo mundo das séries quando o Voo 815, da Oceanic, caiu misteriosamente em algum lugar no meio do nada...

Deixe seu comentário: